Imprimir

A deputada socialista Hortense Martins pediu à ministra da Saúde esclarecimentos sobre o ponto da situação dos importantes investimentos em curso no distrito de Castelo Branco, nomeadamente as obras de ampliação do Hospital Amato Lusitano que, de acordo com a resposta do Governo, deverão estar concluídas em maio de 2021.
Numa audição no âmbito da discussão na especialidade da proposta de Orçamento do Estado para 2021 (OE2021), no Parlamento, a deputada eleita pelo distrito começou por destacar a importância do Ministério da saúde e das "respostas e soluções" que a ministra Marta Temido e a sua equipa têm desenvolvido "para resolver os problemas dos portugueses".
"Mas não há nenhuma varinha mágica para responder aos problemas dos portugueses", advertiu a vice-presidente da bancada do PS para a área da saúde, considerando que o que existe é "um trabalho árduo com determinação" que, "com o empenho de todos", torna mais fácil e eficaz a resolução desses problemas.
Hortense Martins salientou depois a importância dos investimentos que estão a ser realizados no centro do país, como o "investimento emblemático" de ampliação do Hospital Amato Lusitano, na capital do distrito. Reiterando a importância da Unidade Local de Saúde de Castelo Branco e do "esforço que tem sido feito para dar resposta numa área enorme” de abrangência desta ULS, onde se incluem os concelhos da Sertã, Oleiros, Proença-a-Nova, Vila de Rei, Idanha-a-Nova, Penamacor e Vila Velha de Rodão, a deputada questionou qual o "ponto da situação da conclusão deste importante investimento para a ampliação da consulta externa e do Hospital de Dia".
No que respeita ao Centro Hospitalar da Cova da Beira, Hortense Martins também colocou algumas questões.
Num reconhecimento do "trabalho de todos", incluindo "administração, profissionais de saúde e também a equipa governamental", a deputada socialista elevou também "o esforço de articulação destes investimentos com o poder local", numa alusão a bons exemplos como as obras da urgência do Hospital Amato Lusitano que foram possíveis devido à ação da Câmara Municipal de Castelo Branco, considerando que "é sempre em colaboração e não de costas voltadas, que se conseguem melhores resultados para a população".
No que respeita à ampliação do Hospital Amato Lusitano, em resposta à deputada o secretário de Estado da Saúde, Diogo Serras Lopes, esclareceu que a obra “está em curso”, num investimento de 3,8 milhões de euros e uma “taxa de execução de 46%”, estando prevista a sua conclusão para maio de 2021.


CarBus

Av. Dr. Abílio Marçal, Lote 1 B 6100-267 Cernache do Bonjardim

geral@radiocondestavel.pt

Telefone: Geral: 274 800 020

Redacção: 274 800 028/7



Estatísticas

Hoje
6236
Ontem
28979
Este mês
617950
Total
34814048
Visitantes Online
26