Imprimir

O concelho de Mação tem duas dezenas de lagares a funcionar e oferece agora uma oportunidade aos produtores para valorizarem o seu azeite colocando-o no mercado, devidamente rotulado e respeitando todas as normas legais em vigor.

O Centro de Embalamento e Rotulagem de Azeite foi inaugurado no passado sábado, 11 de maio e é um projeto da Câmara Municipal de Mação e da Associação de Desenvolvimento do Concelho, a AmarMação.
Agora “a bola está do lado dos produtores e dos proprietários dos lagares”, disse Vasco Estrela, presidente da autarquia maçaense, pois “nada disto terá sucesso sem o empenho dos representantes dos lagares”, explicou, pedindo a todos que “nos ajudem a concretizar este objetivo (valorização dos nossos produtos)”, o qual esteve “na génese da criação da AmarMação”, lembrou.
Com esta inauguração está terminado o primeiro ciclo do projeto. No sábado iniciou-se outro que só será realizável se a população se empenhar. O produto (azeitona/azeite) tem qualidade e António Louro quer que esta central ajude o produto a chegar ao mercado, o que tem sido difícil de atingir. “Este projeto pretende assim dar um passo significativo na chegada deste azeite de azeitona galega ao mercado, abrindo caminho para a sua valorização e ajudando a fileira e os seus produtores”, confirmou.

Só por si as instalações não vão fazer tudo, “há um movimento de reorganização das pessoas e mentalidades que se tem que fazer”, lembrou, acreditando que, com este projeto, se chegue a “certos nichos”, já que “o produto tem condições para respeitar toda a legislação ambiental e legal dos produtos alimentares e para chegar ao mercado”, finalizou.
António Louro referiu ainda que foi elaborado um rascunho de regulamento das instalações, pedindo agora aos associados que apresentem sugestões. Ficou também decidido que o primeiro ano de laboração desta unidade será gratuita para os sócios.
Para inaugurar esta unidade foi feito o embalamento do lote de azeite proveniente das oliveiras das rotundas do concelho.
O investimento naquela unidade rondou os 100 mil euros, apoiado por fundos comunitários, através da Associação de Desenvolvimento Pinhal Maior.
Durante a tarde de 11 de maio, no Centro de Formação de Mação (zona industrial) foram apresentadas, pelos técnicos da Associação de Produtores de Azeite da Beira Interior, as regras e normas legais que regulam os procedimentos.
De referir que, tendo em conta a importância da olivicultura no concelho maçaense, irá ter lugar uma ação de formação mais alargada, no mês de junho, dedicada a toda a fileira olivícola.
O Centro de Embalamento e Rotulagem de azeite funciona na Travessa Dr. João Calado Rodrigues, nas traseiras do antigo Centro de Novas Oportunidades.

ofertaB baseStandFrigi

Av. Dr. Abílio Marçal, Lote 1 B 6100-267 Cernache do Bonjardim

geral@radiocondestavel.pt

Telefone: Geral: 274 800 020

Redacção: 274 800 028/7



Estatísticas

Hoje
21304
Ontem
15074
Este mês
255092
Total
26285294
Visitantes Online
43