Imprimir
Edifício energéticamente eficiente

O concelho de Proença-a-Nova tem nova casa. Está oficialmente inaugurado o novo edifico dos Paços do Concelho. A obra era um sonho antigo que João Paulo Catarino, presidente da câmara, conseguiu realizar em três anos e meio e que agora funciona no antigo Colégio Diocesano.
A aquisição deste edifício foi uma das primeiras realizações deste mandato contribuindo para tal a ajuda, mais uma vez, da família do Comendador João Martins. João Paulo Catarino revelou que seguiu o incentivo do falecido Padre Sousa para ir ao Brasil falar com a família, mas não foi necessário. O autarca escreveu uma carta e “poucos dias depois recebia na Câmara Municipal o engenheiro Luís Martins e João Calhais que traziam um cheque da família de 300 mil euros para ajudar a adquirir o colégio e devolvê-lo para fins de utilidade pública, de onde nunca deveria ter saído”, relembrou o autarca. O edifício “foi construído com o contributo directo dos proencenses e poucos concelhos se podem gabar disto”, referiu ainda o edil ao acrescentar que “um espaço com esta história não poderia ter melhor utilização”.
A autarquia “modernizou, preservando a história e eternizando o passado de que nos orgulhamos” e “requalificamos com os olhos postos no futuro, como fez quem o projectou há décadas atrás”, disse João Paulo Catarino complementando com a certeza de que “este edifício cumpre agora uma directiva comunitária sobre produção e eficiência energética recentemente aprovada, que entrará em vigor a 31 de Dezembro de 2018”, ou seja “aquilo que a Europa pensa para 2018 aconteceu em Proença em Junho de 2009”.
Presente nesta cerimónia esteve o Ministro da Agricultura, Jaime Silva que reconheceu o dinamismo de João Paulo Catarino, com quem já havia trabalhado no seu Ministério e destacou a modernidade dos novos Paços do Concelho “e que tem, em termos de câmaras municipais um avanço, ou seja a eficiência energética colocada com gosto e estética”. O edifício é forrado com células fotovoltaicas para a produção de energia.
O governante realçou ainda a transparência proencense na utilização dos dinheiros públicos.
Agora o executivo está já a trabalhar para rentabilizar todo aquele espaço e ali concentrar todos os serviços em condições de espaço e dignidade de atendimento. Em cima da mesa está a possibilidade de certificar alguns deles.
Na área do investimento Jaime Silva exaltou ainda e confirmou a aprovação do projecto da DEROVO, uma unidade industrial que irá criar no concelho 100 postos de trabalho, “numa empresa moderna e que vai produzir para o consumo nacional e que irá ainda exportar e que indirectamente criará outros postos de trabalho”, garantiu o Ministro.
Quanto ao antigo edifício, ele irá albergar para já a sede do Agrupamento de Centros de Saúde do Pinhal Interior Sul. A ideia futura será criar ali uma casa da cultura, com um espaço para exposições temporárias, outro para interpretação da obra de Pedro da Fonseca e ainda a sede dos Julgados de Paz de Proença-a-Nova.
 

Av. Dr. Abílio Marçal, Lote 1 B 6100-267 Cernache do Bonjardim

geral@radiocondestavel.pt

Telefone: Geral: 274 800 020

Redacção: 274 800 028/7



Estatísticas

Hoje
230
Ontem
26165
Este mês
146386
Total
29928281
Visitantes Online
11