Imprimir
Espaço vai estar às escuras.

Uma das grandes novidades das Jornadas de Arqueologia Ibero-Americana que se realizam no concelho de Mação, a par do lançamento do canal de TV por Internet, foi a inauguração de duas exposições sob a designação: “Museu de Arte Pré-Histórica de Mação: Um Risco na Paisagem – Uma Paisagem em Risco”
Uma delas foi um percurso inteiramente táctil, com réplicas de objectos e manifestações artísticas que marcaram o início da agricultura no Vale do Tejo, que torna acessível aos invisuais e amblíopes o acesso ao conhecimento arqueológico, no entanto o percurso destina-se também aos que Luiz Oosterbeeck, director do Museu, chama de “normovisuais”, mas é para ser feito sempre às escuras. “É preciso que cada um de nós perceba a diferença e vai acontecer ao fazer esse percurso”, referiu Luiz Oostrebeeck, adiantando que assim “todas as pessoas poderão compreender melhor o sentido de orientação e de paisagem dos seus concidadãos invisuais”.
Este percurso táctil foi feito numa parceria com a Associação dos Cegos e Amblíopes de Portugal e ainda está sujeito a melhoramentos.
Transformar a paisagem é o lema do projecto “Transformations”, coordenado pelo Instituto Politécnico de Tomar, com parceiros de diversos países europeus.

CarBus

Av. Dr. Abílio Marçal, Lote 1 B 6100-267 Cernache do Bonjardim

geral@radiocondestavel.pt

Telefone: Geral: 274 800 020

Redacção: 274 800 028/7



Estatísticas

Hoje
2017
Ontem
14317
Este mês
192594
Total
27395072
Visitantes Online
30