Imprimir

A Feira Mostra de Mação realiza este ano, entre os dias 27 de junho e 1 de julho a sua 25ª edição. Há 25 anos que o concelho promove as suas potencialidades a vários níveis.

A economia será valorizada em 85 stands, a gastronomia presente em sete espaços de restauração, as atividades desportivas realizadas pelas associações do concelho, com diferentes modalidades, ao longo dos cinco dias de feira, as tradições e profissões destacadas com atuações e presenças ao longo de todo o programa e os produtor endógenos estarão reunidos no stand da autarquia, com a marca da associação AmarMação. São apenas alguns exemplos do que de melhor se produz no concelho e que será valorizado, destacou Vasco Estrela, presidente da Câmara Municipal de Mação, no dia da apresentação desta edição, a 11 de junho, reforçando que “será dada primazia às entidades e empresas do concelho para poderem divulgar o que de melhor fazem e se darem a conhecer aos visitantes” para que “tenham uma melhor perceção do que é o concelho de Mação e o que são as suas potencialidades e oportunidades, sem perder de vista a nossa história, memória e riquezas”, disse.
A autarquia tem nas associações um braço direito na dinamização deste modelo de mostra, o qual se repete em cinco dias, por ter corrido bem nos últimos anos. E é da parte das associações que acontecem as novidades deste ano com destaque para uma parede de escalada a cargo do Centro Cultural, Desportivo e Recreativo de Envendos, uma color run a cargo do Grupo Desportivo do Penhascoso e um Passeio pela Rota do Sagrado, pelo Centro Cultural e recreativo de Queixoperra.

A nível artístico decorrerá uma instalação artística pela mão do maçaense António Colaço, denominada “Vamos Incendiar.te Mação” e no dia da visita oficial da mostra, a 29 de junho, decorrerá uma visita ao Centro de Negócios, inaugurado no ano passado, onde decorrerá a assinatura dos contratos com as oito empresas já instaladas. Estas são todas de pessoas do concelho ou que a ele têm ligação, nas áreas da carpintaria, material de refrigeração e elétrico, serralharia, pintura automóvel, entre outras. Neste dia serão igualmente distinguidas três empresas que atingiram o estatuto PME Líder e Excelência. “Vamos, por um lado distinguir estes empresários e por outro, estimular outros para que no concelho seja possível existirem empresários de sucesso e que assim ajudem o concelho”, focou o edil maçaense.
Paralelamente decorrerá a 20ª edição da Feira do Livro com a apresentação dos livros “Respira Natureza em Mação de Gady Rui Santos, e da obra “Singularidades de uma Mulher de 40” da autoria de Elsa Ribeiro Gonçalves.
Dia 30 de junho o destaque vai para uma conversa com Carlos Bernardo, autor do Blog “O meu Escritório é lá fora”.

A nível musical decorrerão atuações com a prata da casa, ou seja Grupo de Cantares da Serra, o Musical Amendoense e o Grupo de Cantares “Os Maçaenses, bem como ada FUNfarra da Filarmónica União Maçaense e do Conservatório de Mação.
Ao palco principal subirão Som da Frente – Tributo aos Xutos dia 27, Kwantta, dia 28, Jorge Palma e Orquestra Filarmónica 12 de Abril com seis elementos da banda da FUM, dia 29, os UHF dia 30 e Carlão dia 1 de julho.
Este ano a feira terá também uma preocupação ambiental. Ao longo de todo o espaço estarão contentores para deposição de resíduos, fazendo deste um eco evento. A iniciativa é conjunta entre a câmara e a Calnor.
A mostra tem um orçamento de 100 mil euros e será inaugurada pelo secretário de Estado da Administração Local, Carlos Miguel.

Av. Dr. Abílio Marçal, Lote 1 B 6100-267 Cernache do Bonjardim

geral@radiocondestavel.pt

Telefone: Geral: 274 800 020

Redacção: 274 800 028/7

Tempo Cernache Do Bonjardim


Estatísticas

Hoje
20703
Ontem
32075
Este mês
713362
Total
19194382
Visitantes Online
27